FNE na Assembleia da República para assistir às votações do texto final sobre o tempo de serviço congelado
Comunicados

FNE na Assembleia da República para assistir às votações do texto final sobre o tempo de serviço congelado

O Secretário-Geral da Federação Nacional da Educação (FNE), João Dias da Silva, juntamente com outros dirigentes, estará presente amanhã, nas galerias da Assembleia da República para acompanhar as votações do texto final sobre o tempo de serviço congelado aos professores.

No passado dia 2 de maio de 2019, a Comissão Parlamentar de Educação e Ciência acordou a contagem integral dos nove anos, quatro meses e dois dias de tempo de serviço congelado aos professores e é por este reconhecimento integral do tempo de trabalho que os professores têm lutado.

Nestas circunstâncias, professores e educadores pedem respeito pelos compromissos assumidos junto dos docentes e que seja tido em conta o que, para estes, é fundamental: não deixar que se elimine qualquer parcela de tempo de serviço; garantir que os 2 anos, 9 meses e 18 dias (que passarão a constituir o primeiro momento da recuperação) sejam recuperados de uma só vez, com produção de efeitos a janeiro de 2019; prever a negociação dos 6,5 anos remanescentes, concretizando, assim, a recuperação integral do tempo de serviço prestado/trabalhado.

Professores e educadores aguardam com expetativa a votação que se vai realizar a partir das 10h00m na Assembleia da República.

No final da votação o Secretário-Geral da FNE estará disponível para declarações aos órgãos de comunicação social.

 

Porto, 9 de maio de 2019

A Comissão Executiva

Voltar ao topo