FNE reuniu com Grupo Parlamentar do CHEGA
Ação sindical

FNE reuniu com Grupo Parlamentar do CHEGA

A FNE esteve hoje na Assembleia da República a convite do Partido CHEGA para apresentar o Roteiro para a Legislatura 2022-2026, que inclui os problemas e propostas da federação para os próximos quatro anos de governação, no seguimento do que já fez com outros Grupos Parlamentares.

Bernardo Pessanha, assessor de André Ventura, Presidente do partido, ouviu da parte da delegação da FNE a partilha de algumas das várias preocupações sobre matérias que carecem de alterações e melhorias ao nível da educação, tais como a falta de professores, o problema do envelhecimento da classe docente e não docente, a questão da mobilidade por doença, na mesa de negociação até há poucos dias, a burocracia que tira tempo e desgasta os professores, os quadros de QZP's, a vinculação de professores e a situação da recuperação do tempo de serviço, que a FNE garante não deixar cair.

Com a apresentação do Roteiro para a Legislatura, ficou manifestada da parte da FNE a total disponibilidade para o diálogo, partilha de opinião e de expetativas em relação ao desenvolvimento das políticas educativas e das condições de trabalho de todos os profissionais da educação nas escolas na próxima legislatura, deixando ainda o alerta para a necessidade de uma maior participação das organizações sindicais no processo de decisão, destacando a valorização do diálogo e da concertação social, como forma decisiva de valorização das próprias carreiras.

Foi ainda debatida neste encontro a questão do acolhimento de refugiados provenientes da Ucrânia e de outros países e a necessidade de acompanhamento e reforço de docentes e trabalhadores não docentes nas escolas que recebem estas crianças, de forma a garantir uma transição com qualidade a quem chega ao nosso país e às nossas escolas.

Voltar ao topo