Filiação


UGT

UNIÃO GERAL DE TRABALHADORES - UGT

A adesão da FNE à UGT constituiu um significativo passo no envolvimento de todos os Trabalhadores da Educação na Central Sindical Democrática de Portugal.

A UGT, União Geral de Trabalhadores, tem uma Página com o endereço: http://www.ugt.pt



A FNE integra ainda as Uniões da UGT


UGT – AÇORES

Francisco Pimentel

Rua Dr. João Francisco de Sousa, 20 R/C
9500-187 Ponta Delgada
T/F: 296 283 181
E-mail: acores@ugt.pt

UGT – ALGARVE

Daniel Santana

Rua Dr. José Filipe Álvares, 11
8005-220 Faro
T: 289 826 389
F: 289 826 747
E-mail: algarve@ugt.pt
Website: http://www.ugtalgarve.pt

UGT - AVEIRO

Teresa Margarida Alves

Av. Dr. Lourenço Peixinho, 128 – 5º
3800-160 Aveiro
T: 234 049 335
E-mail: aveiro@ugt.pt
Website: http://www.ugtaveiro.pt/

UGT – BEJA

Joaquim Barata Maurício

Rua António Sardinha, 12-D
7800-447 Beja
T: 284 313 350
T: 284 328 940
F: 284 313 359
E-mail: beja@ugt.pt

UGT – BRAGA

César Campos

Rua dos Chãos, 23 –2º
Edifício do BNU
4700-230 Braga
T: 253 268 276
F: 253 615 280
E-mail: braga@ugt.pt
Website: http://ugtbraga.pt/

UGT – BRAGANÇA

Maria Graça Rio Patrício

Av. Sá Carneiro, 180 -1º
5300-252 Bragança
T: 273 310 210
F: 273 310 211
E-mail: braganca@ugt.pt

UGT - CASTELO BRANCO

Daniel José Matos

Avenida da Carapalha nº 5 - R/C Dto
6000-320 Castelo Branco
T: 928 051 324
T: 928 051 325
E-mail: castelobranco@ugt.pt

UGT – COIMBRA

José Ribeiro Jacinto dos Santos

Av. Fernão de Magalhães, 476 – 4º Porta D
3000-037 Coimbra
T: 925 551 339
T: 914 583 760
E-mail: coimbra@ugt.pt

UGT – ÉVORA

Renato Pepe dos Santos

Parque Industrial e Tecnológico de Évora
Rua Circular Poente, 42
7005-328 Évora
T: 266 704 577
T: 964 915 899
E-mail: evora@ugt.pt

UGT – GUARDA

Asdrúbal Costa Almeida Lero

Rua Mouzinho da Silveira, nº 11-1º
6300 - 735 GUARDA
T: 271 223 538
T: 919 759 869
E-mail: guarda@ugt.pt

UGT – LEIRIA

Amílcar Coelho

Rua Capitão Mouzinho de Albuquerque, nº 107, 2º Esq.,
2400-194 Leiria
T: 244 825 532
E-mail: leiria@ugt.pt

UGT - LISBOA

Manuel Camacho

Rua Vitorino Nemésio, nº 5
1750-306 Lisboa
T: 213 931 200
F: 213 974 612
E-mail: lisboa@ugt.pt

UGT - MADEIRA

Ricardo Jorge Teixeira Freitas

Rua da Cooperativa Agrícola, Bloco B - 5º B
9050-017 Funchal
T :291 226 006
F: 291 228 607
E-mail: madeira@ugt.pt
Website: http://www.ugtmadeira.pt/

UGT - PORTALEGRE

Maria Fátima R. Queiroz Alves

Rua de Olivença, nº 33 – 2º
7300-149 Portalegre
T:245 609 036
E-mail: portalegre@ugt.pt

UGT - PORTO

Clara Maria A. Quental Silva

Rua Cândido dos Reis, 74-3º Frente
4050-151 Porto
T: 222 081 131
F: 222 081 142
E-mail: porto@ugt.pt

UGT - SANTAREM

João Colaço Canadas

Rua Casal do Provedor, nº 1
2000-203 Santarém
T: 243 372 466
E-mail: santarem@ugt.pt
Blog: http://ugt-santarem.blogspot.com/

UGT - SETÚBAL

Rui Vicente Godinho

Office Center São Julião,
Rua Joaquim Brandão, 13 – 1º andar
2900-422 Setúbal
T: 265 509 112 / 100
F: 265 509 199
E-mail: setubal@ugt.pt

UGT - VIANA DO CASTELO

João Cruz

Rua Padre Himalaia, 119
4900-926 Viana do Castelo
T: 258 094 159
E-mail: vianadocastelo@ugt.pt

UGT - VILA REAL

Nataniel Mário Alves Araújo

Rua Marechal Teixeira Rebelo, nº 157
5000-525 Vila Real
T: 259 372 326
E-mail: vilareal@ugt.pt

UGT – VISEU

Manuel Teodósio Martins Henriques

Av. Infante D. Henrique, nº 42
3510-070 Viseu
T: 232 467 100
E-mail: viseu@ugt.pt
Website: http://viseu.ugt.pt

 

IE

Voz dos professores e outros profissionais da educação no globo, a Internacional da Educação (IE) é uma federação de associações e de 401 sindicatos em 171 países e territórios, que representa mais de 32.5 milhões de educadores em todo o mundo, em instituições que vão desde a educação para a infância até ao ensino superior.

A IE tem cinco estruturas regionais, a saber África, América do Norte e Caraíbas, Ásia e Pacífico, Europa (Comité Sindical Europeu da Educação - CSEE) e América Latina e trabalha em estreita ligação com a Confederação Sindical Internacional (CSI), com as outras Federações Sindicais Internacionais (FSI), participando ainda no Conselho dos Sindicatos Globais.

A IE guia-se pelos ideais da paz, democracia, direitos humanos e justiça social e combate o racismo, a xenofobia e todas as formas de discriminação, sejam elas geradas pelo sexo, idade, religião, opções políticas, estatuto social ou económico, origem nacional ou étnica.

Entre os seus principais objetivos estão a promoção das causas das organizações de docentes e outros profissionais da educação, do estatuto, interesses e bem-estar dos seus membros e a defesa dos seus direitos sindicais e profissionais; a promoção da aplicação da Declaração Universal dos Direitos Humanos através do desenvolvimento da educação e da força coletiva dos professores e dos outros profissionais da educação; o apoio e a promoção das liberdades profissionais dos professores e dos profissionais da educação e o direito das suas organizações em participar na formulação e implementação de políticas educacionais; ou a promoção do direito à educação para todas as pessoas do mundo, sem discriminação.

A autoridade suprema da IE é o seu Congresso Mundial, que se realiza de quatro em quatro anos. A Presidente da IE é a australiana Susan Hopgood e o Secretário-Geral é o holandês Fred Van Leeuwen, reconduzidos no 7º Congresso de Otava, Canadá, em julho de 2015. O Conselho Executivo da IE é composto por 26 membros, incluindo o Presidente, um vice-Presidente mais dois membros por estrutura regional, nove eleitos para lugares abertos e um Secretário-Geral.

As línguas oficiais da IE são o Inglês, Francês, Alemão e Espanhol. O site oficial contém ainda informação em Russo e em Árabe. A sede da IE é em Bruxelas. http://www.ei-ie.org/

CSEE

O CSEE - Comité Sindical Europeu para a Educação (ETUCE, na sigla inglesa) é a estrutura da Região Europa da Internacional da Educação (IE) e representa 129 sindicatos europeus de professores de todos os níveis de ensino, de 45 países, num total de 11 milhões de filiados individuais.

O CSEE foi estabelecido em 1977 e tornou-se uma parte integrante da IE em novembro de 2010. O Comité é o parceiro social europeu para o setor da educação da CES - Confederação Europeia dos Sindicatos e o defensor dos interesses dos professores junto da União Europeia.

Christine Blower é a atual Presidente do CSEE e Martin Rømer o seu Diretor Europeu (cargo executivo).

O CSEE desenvolve projetos nas áreas da Igualdade de Género, Diálogo Social, Saúde e Segurança Ocupacional, Aprendizagem ao Longo da Vida ou Tecnologias da Educação.

Promover e implementar os objetivos da IE na Região Europeia, assessorar a IE no desenvolvimento de respostas às propostas e políticas que emanam de outros organismos internacionais como a OCDE ou UNESCO, determinar e promover políticas de interesse para os sindicatos de educação ou promover o desenvolvimento de sindicatos fortes, independentes e democráticos de educação em toda a Região Europeia são alguns dos seus objetivos.

Os idiomas oficiais do CSEE são o inglês, francês, espanhol e russo. A sede da organização é na Casa Sindical Internacional, em Bruxelas.

CPLP-SE CPLP 2008

No mundo da globalização com todos os desafios que são colocados ao mundo do trabalho, as organizações sindicais do sector da educação têm um papel cada vez mais relevante na defesa de trabalhadores qualificados e de boas condições de trabalho, factores essenciais do progresso económico, social e cultural dos países.

Os governos terão de entender que organizações sindicais fortes, com grande capacidade reivindicativa serão os parceiros por excelência do diálogo e da negociação, pilares básicos na construção das verdadeiras sociedades livres e democráticas.

O contexto político do diálogo social é importante e os governos têm de entender que as reformas que querem fazer nos diferentes sectores de atividade só serão bem sucedidas através da criação de mecanismos de participação e consulta, em que governantes e sindicatos, em conjunto, analisem os problemas e tentem encontrar as melhores soluções.

Os sindicalistas da CPLP-SE reafirmam a urgência de os governos assumirem o papel imprescindível das organizações sindicais na negociação das matérias salariais e das políticas educativas, reforçando o Diálogo Social.


Retirado da “Declaração da Conferência da CPLP-SE de Lisboa – 9 maio 2008”

AFIET

A AFIET é um projecto da FNE que nasceu da vontade de servir os professores, confrontados com novos desafios educativos, e que se alargou a todos quantos - adultos ou jovens - querem aumentar a sua formação.

O grande projecto da AFIET concretiza-se pelos seus projectos científicos, pedagógicos e de intervenção.

Agostinho Roseta

A AAR – Associação Agostinho Roseta, instituição com estatuto de pessoa de direito privado, sem fins lucrativos, é proprietária e gere a Escola Profissional. Constituída em 30 de Setembro de 1999, tem a sua sede no Parque das Nações, em Lisboa, com instalações que designamos por pólos, em seis municípios. Os nossos pólos situam-se em Lisboa, Vila Real, Castelo Branco, Crato, Sesimbra e Albufeira.

Desenvolvemos a nossa atividade assente em boas práticas, na valorização das competências e capacidades dos nossos alunos, para que atinjam níveis de excelência.

Voltar ao topo